Workshop Funpresp: ANFIP e Fundação discutem previdência do servidor

O I Workshop “A Previdência Complementar do Servidor Público Federal – Funpresp” lota hoje (28) o auditório do Parlamundi da LBV, em Brasília. O evento é promovido pela Fundação ANFIP de Estudos da Seguridade Social e Assuntos Tributários e a ANFIP. Confira aqui a programação.

A mesa de abertura do evento foi composta pela presidente da Fundação ANFIP, Aurora Miranda Borges, pela presidente da ANFIP, Margarida Lopes de Araújo, pelo presidente do INSS, Lindolfo Neto Sales, pelo superintendente da Previc, José Maria Rabelo, e pelo presidente do Fonacate, Roberto Kupski.

Aurora Miranda Borges enfatizou que a Fundação ANFIP é reconhecida pela realização de eventos e pelas publicações ligadas à Seguridade Social e aos estudos tributários. “A Fundação tem uma imagem marcada pela defesa da sociedade. Tudo isso se junta na oportunidade de realizar este workshop de grande relevância para os servidores federais”, completou.

Já a presidente da ANFIP avaliou que o evento pode ajudar a diminuir a grande quantidade de dúvidas dos servidores sobre a Funpresp. “Esse evento é de grande importância não só para os servidores, mas também para a administração, porque é uma oportunidade de disseminar o conhecimento sobre a Funpresp, esta nova forma de o servidor se relacionar com a administração. Não existe mais a aposentadoria integral e temos de mostrar ao público este novo sistema”, disse Margarida Lopes de Araújo.

O presidente do Fonacate, Roberto Kupski, elogiou a iniciativa da Fundação e da ANFIP, já que os servidores foram contrários à criação da Funpresp, mas agora precisam ser orientados. “Este é um tema de fundamental importância para os servidores públicos. Sem dúvida, a nossa luta de poucos meses atrás era para não estarmos aqui, fizemos a luta para que não fosse implantada a previdência complementar, por saber que, ao representar o Estado, especialmente as carreiras com dedicação exclusiva, o servidor deveria ter, no mínimo, uma previdência garantida pelo Estado.”

O superintendente da Previc também reforçou a importância do workshop. “Espero que outros sejam realizados, porque a discussão que se travará aqui é muito importante, é fundamental. Acho que a Fundação, a ANFIP e as demais entidades envolvidas estão de parabéns por gerarem a oportunidade deste debate”, afirmou José Maria Rabelo.

Por fim, o presidente do INSS, Lindolfo Neto Sales, além de parabenizar a organização do debate, defendeu o aumento da educação previdenciária no Brasil. “Este fórum é de altíssima importância para a discussão de questões previdenciárias no Brasil e para a propagação da educação previdenciária. Para termos uma previdência forte é preciso que a população toda conheça os detalhes desta política de Estado que é tão importante para a nação.”

O workshop tem como principal objetivo apresentar e discutir uma abordagem diferenciada e aprofundada da previdência complementar do servidor, permitindo uma melhor compreensão do contexto com relação às normas instituídas neste novo modelo de gestão. Serão discutidos também os aspectos didáticos relacionados à aplicabilidade desse novo regime de previdência para os servidores. Os debates são destinados a servidores públicos federais, sindicados e associações de servidores públicos, advogados, especialistas em Previdência Social, gestores de Recursos Humanos das instituições públicas e autarquias federais.

O evento conta com patrocínio do Sinait, Sindifisco Nacional, Auditar, Anfa Sindical, Unacon Sindical e a Fenafisco. O apoio institucional é do Ministério da Previdência Social,INSS, Receita Federal do Brasil, Fonacate e Funpresp.

Fonte: ANFIP

Open chat
Fale conosco!
Powered by
X