Soldados belgas protestam contra mudança na idade de aposentadoria

Militares saíram às ruas de Bruxelas.
Houve confronto com policiais.

Militares protestam na Bélgica (Foto: Yves Herman/Reuters)

Milhares de militares belgas protestaram nesta terça-feira (15) nas ruas de Bruxelas contra o aumento da idade de aposentadoria. Houve confronto com a polícia.

As autoridades disseram que 8.500 soldados fora de serviço protestaram no centro histórico da cidade, levando a polícia antimotim a disparar canhões de água depois que alguns manifestantes lançaram contra ela bombas de fumaça e fogos de artifício.

Durante o ano passado, os militares belgas trabalharam a mais para guardar o governo e os edifícios da União Europeia quando Bruxelas ficou sob alerta máximo após os ataques terroristas de Paris, em novembro de 2015, e de Bruxelas, em março deste ano.

O governo no mês passado anunciou um aumento na idade de aposentadoria para os soldados — passando dos atuais 56 anos para pelo menos 63 anos.

O protesto aconteceu na Festa do Rei, um feriado oficial em que os soldados são proibidos de fazer greve na Bélgica.

Protesto de militares na Bélgica (Foto: Yves Herman/Reuters)
Protesto de militares na Bélgica (Foto: Yves Herman/Reuters)
Open chat
Fale conosco!
X