Indenizações pagas pelo seguro DPVAT têm queda de 15%

26/06/2016 – 18:18:00

O número de indenizações pagas pelo seguro DPVAT diminuiu 15% em 2015, na comparação com o ano anterior, de acordo com informações divulgadas nesta terça-feira (23), pela Líder-DPVAT, que administra o consórcio das seguradoras.

No total, foram pagas 652.349 indenizações, somando R$ 3,38 bilhões em reembolsos. Em 2014, os ressarcimentos chegaram a 736 mil, totalizando R$ 3,9 bilhões, enquanto em 2013 o número foi de 633 mil indenizações. De acordo com a seguradora, a maior queda registrada no período foi na cobertura de morte (19%), seguida de reembolso de despesas hospitalares (18%) e invalidez permanente (13%).

As indenizações pagas por acidentes com motocicletas correspondem a 76% (497.009) do montante pago em 2015. Dos acidentes causados por motos, 83% geram algum tipo de invalidez permanente, 4% acabaram em morte e 13% resultaram em reembolso de despesas hospitalares. Já os automóveis somam 19% (124.267) das indenizações pagas no ano passado, enquanto caminhões e pick-ups 3% (17.973) e os ônibus micro-ônibus e vans 2% (13.100).

Do total das indenizações pagas, 64% (416.413) foram destinadas a motoristas, 18% (117.780) para pedestres e 18% (118.156) para passageiros.

O levantamento da Seguradora Líder-DPVAT revela ainda que 74% das vítimas de trânsito indenizadas em 2015 são homens e 24%, mulheres. A faixa etária que concentra o maior número de indenizações, continua sendo é de 18 a 34 anos, correspondendo a 51% dos sinistros pagos no último ano.

A arrecadação do seguro pago pelos proprietários de veículos somou R$ 8,65 bilhões. Por lei, metade desse dinheiro vai direto para o Sistema Único de Saúde (SUS) e para o Denatran.

Fonte: Previdência Total

Open chat
Fale conosco!
Powered by
X