Caixa Econômica encerra pagamento do FGTS emergencial

A Caixa Econômica concluiu, nesta terça-feira, o pagamento de R$ 36,5 bilhões do Saque Emergencial FGTS para mais de 51,1 milhões de trabalhadores, que receberam automaticamente o recurso ou solicitaram o crédito pelo App FGTS até o último dia 31 de dezembro. O valor representa 96,6% do total previsto.

A liberação do Saque Emergencial FGTS teve início em junho de 2020, com base na Medida Provisória 946/20, que estabeleceu o valor de até R$ 1.045 por trabalhador, considerando a soma dos saldos de todas as contas ativas ou inativas no FGTS.

O calendário de crédito em conta e saque foi estabelecido com base no mês de nascimento do trabalhador. A partir da data de crédito dos valores na Conta Poupança Social Digital, os recursos puderam ser utilizados em transações eletrônicas pelo App Caixa Tem e, posteriormente, também em data específica, os valores remanescentes ficaram disponíveis para saque em espécie ou transferência, sem custo, para outras contas.

Dos R$ 36,5 bilhões creditados, a Caixa Econômica registrou o retorno de R$ 12 bilhões para as contas do FGTS. Os valores referem-se a recursos que não foram movimentados nas Contas Poupanças Sociais Digitais. Cerca de 19 milhões de trabalhadores preferiram não utilizar esses recursos e tiveram os valores retornados às suas contas de FGTS, devidamente corrigidos.

Outros 400 mil trabalhadores registraram o pedido formal de desfazimento de créditos automáticos realizados pela Caixa, totalizando R$ 300 milhões também retornados ao FGTS por esse motivo.

Fonte:https://odia.ig.com.br/economia/2021/01/6059225-caixa-economica-encerra-pagamento-do-fgts-emergencial.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Fale conosco!
X