ANFIP e Fundação tratam de capacitação profissional na Cogep

[dt_gap height=”20″ /]

O vice-presidente Executivo da ANFIP, Márcio Humberto Gheller, e a vice-presidente de Assuntos Fiscais, Eucélia Maria Agrizzi Mergár, junto à presidente da Fundação ANFIP, Aurora Maria Miranda Borges, participaram de reunião, nesta quinta-feira (10/10), na Coordenação Geral de Pessoas do Ministério da Economia, para tratar sobre capacitação profissional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil.

Pela Cogep, estiveram presentes o coordenador-geral, Paulo Faria Marques; o chefe da Divisão de Capacitação, José Paulo de Oliveira; a coordenadora de Desenvolvimento de Competências Institucionais, Mara Lucia Monteiro Vieira; e a coordenadora de Administração de Pessoas, Juliana Diniz.

Tendo em vista o Acordo de Cooperação entre a Secretaria da RFB e a Fundação ANFIP, o objetivo é trabalhar de forma conjunta para oferecer aos servidores formação técnica e de aperfeiçoamento, para fins de avaliação de desempenho, progressão funcional e promoção na carreira.

Aurora Borges explicou que a ANFIP já possui uma plataforma de educação a distância, a EVA, e que esse espaço digital está disponível para a inclusão de novos cursos. “Vamos trabalhar conforme a demanda da Receita e das necessidades de formação dos Auditores Fiscais. Queremos ofertar cursos com credibilidade e reconhecimento”, destacou a presidente da Fundação.

O coordenador-geral Paulo Marques avaliou a reunião como uma oportunidade para as duas instituições. “Quanto mais parceiros pudermos ter, melhor será a nossa capacidade de oferecer cursos para os servidores”, disse. Ele enfatizou que são necessários cursos customizados, principalmente após a edição do Decreto 9.991/2019, que dispõe sobre a Política Nacional de Desenvolvimento de Pessoas (PNDP), da administração pública federal, para promover o desenvolvimento dos servidores públicos nas competências necessárias.

Outro fator que dificultou a oferta de cursos para os servidores públicos foi o fechamento da Escola de Administração Fazendária (Esaf), que passou a integrar a estrutura da Escola Nacional de Administração Pública (Enap), por meio do Decreto 9.680/2019.

Por fim, ficou acordado que a Cogep vai passar os dados e informações de cursos de interesse dos servidores para que a ANFIP e a Fundação ANFIP desenvolvam as atividades a serem ofertadas por meio de educação a distância, na plataforma EVA.

[dt_gap height=”20″ /]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Fale conosco!
X