40% dos brasileiros estão desempregados, subutilizados ou desalentados!

Vão acabar fechando o IBGE, essa central de fomento da revolução armada!

Os dados da PNAD do IBGE para janeiro são combustível para – como diz o Mino Carta – jorrar sangue na calçada: 12% estão desempregados (“desocupados”, porque o IBGE tucana desemprego); 24,3% estão “subocupados” (ou seja, são os empreendedores do Gustavo Franco, que vendem coxinha na calçada ou pano alvejado nos sinais de trânsito); e 4,3% são desalentados, mesmo – os que desistiram de procurar o que os neolibelistas não conseguem oferecer.

Ainda vai fechar o IBGE, essa central de incitamento à revolução armada:

PNAD Contínua: taxa de desocupação é de 12,0% e taxa de subutilização é de 24,3% no trimestre encerrado em janeiro de 2019

taxa de desocupação (12,0%) no trimestre móvel encerrado em janeiro de 2019 subiu 0,3 ponto percentual em relação ao trimestre de agosto a outubro de 2018 (11,7%). Em relação ao trimestre móvel de novembro de 2017 a janeiro de 2018 (12,2%), o quadro foi de estabilidade.

população desocupada (12,7 milhões) cresceu 2,6% (mais 318 mil pessoas) frente ao trimestre de agosto a outubro de 2018. No confronto com igual trimestre de 2017, manteve-se a estabilidade.

população ocupada (92,5 milhões) caiu -0,4% (menos 354 mil pessoas) em relação ao trimestre de agosto a outubro de 2018 (…) A taxa de subutilização da força de trabalho(24,3%) no trimestre encerrado em janeiro de 2019 apresentou estabilidade em relação ao trimestre anterior (24,1%). No confronto com o mesmo trimestre móvel do ano anterior (23,9%), houve aumento de 0,4 ponto percentual.

população subutilizada (27,5 milhões) ficou estável em relação ao trimestre de agosto a outubro de 2018 (27,3 milhões). Em relação ao mesmo trimestre de 2017 (26,8 milhões), esse grupo cresceu 2,5% (mais 671 mil pessoas).

O número de pessoas desalentadas (4,7 milhões) ficou estável em relação ao trimestre agosto a outubro de 2018 e subiu 6,7% em relação ao mesmo trimestre móvel do ano anterior (4,4 milhões). O percentual de pessoas desalentadas (4,3%) ficou estável em relação ao trimestre anterior e variou 0,2 ponto percentual contra o mesmo trimestre móvel do ano anterior (4,1%). (…)

Em tempo: aos desalentados, subocupados e desempregados dos neolibelistas, o Conversa Afiada recomenda ouvir o podcast que descreve as virtudes da Teologia da Lucrofilia – PHA

Gostou desse conteúdo? Saiba mais sobre a importância de fortalecer a luta pela liberdade de expressão e apoie o Conversa AfiadaClique aqui e conheça!

 

Fonte:  Conversa Afiada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Fale conosco!
X