Poesia com Rapadura de Bráulio Bessa emociona participantes

Das gargalhadas às lágrimas, um misto de sentimentos tomou conta dos participantes do XVI Encontro Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil, que lotaram o auditório para o painel apresentado pelo poeta e escritor Bráulio Bessa, defensor da cultura nordestina e especialista em “gente”.

Conhecido pelos cordéis semanais que apresenta no quadro Poesia com Rapadura, no programa Encontro com Fátima Bernardes, Bessa relatou a sua trajetória em busca do sonho de ter um livro de poesias publicado e das conquistas colhidas durante essa trajetória. Nesse percurso, provou como a fé e a coragem são valores essenciais para se conquistar sonhos. Tirar da adversidade novas formas de ação foi uma das lições vivenciadas pelo poeta.

Após vários percalços e de enfrentá-los com simplicidade, Bessa agora roda o Brasil com um objetivo: transformar vidas. Para ele, se uma pessoa for tocada pela sua arte, ele já terá conquistado seu objetivo. E não foi só uma pessoa transformada em três anos de crescente atuação nacional. Nas redes sociais, ao provocar seus seguidores, recebeu centenas de relatos emocionados de como suas palavras mudaram comportamentos.

Os vídeos de Bessa circulam em grupos de whatsapp e estão amplamente disseminados nas redes sociais. No Encontro Nacional, o poeta apresentou dois cordéis que considera serem os que mais tocam as pessoas. O primeiro chama-se Recomece: “É preciso cair, pra poder se levantar”. O segundo é uma homenagem às mães. Os dois vídeos e outras participações do poeta podem ser conferidos aqui.

Confira aqui o álbum de fotos da apresentação.

Fonte:  ANFIP