(foto: Diego Moreira/ reprodução )

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra um auditor fiscal indignado com a decisão do Supremo Tribunal Federal de afastar dois outros colegas do mesmo cargo da Receita Federal por investigar pessoas próximas de ministros do STF. A investigação em questão tinha como alvos 133 agentes públicos, entre eles, dois eram relacionados aos ministros do Supremo.

O ministro do STF Alexandre de Moraes paralisou apurações conduzidas pela Receita. Na decisão, ele diz que “são claros os indícios de desvio de finalidade na apuração da Receita Federal, que, sem critérios objetivos de seleção, pretendeu, de forma oblíqua e ilegal investigar diversos agentes públicos, inclusive autoridades do Poder Judiciário, incluídos ministros do Supremo Tribunal Federal, sem que houvesse, repita-se, qualquer indício de irregularidade por parte desses contribuintes”.
O homem no vídeo foi identificado como Diogo Moreira, um auditor fiscal da Receita Federal que decidiu se manifestar sobre o ocorrido. Em entrevista ao Correio, ele explicou o que o levou a gravar o depoimento: “Tenho um canal no YouTube, mas não costumo me manifestar sobre assuntos desse tipo, mas o evento me causou indignação como cidadão.” Ele ainda acrescenta que “a categoria está perplexa e preocupada”. “Trabalhamos para fazer agir a lei e não temos margem de manobra nem ideologia política e nem defendemos bandeiras. Somos concursados cumprindo nossas obrigações. Isso deixa o terreno muito frágil para o nosso trabalho como auditores”, completou.

 

Fonte:https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/economia/2019/08/15/internas_economia,777366/video-mostra-auditor-fiscal-indignado-com-decisao-do-stf.shtml