Mais de R$ 880 milhões estão à espera de trabalhadores da iniciativa privada e servidores públicos em todo o país que não sacaram os valores do abono do PIS/Pasep relativo ao ano de 2016.

Beneficiários têm até a próxima sexta-feira para retirar abono

Mais de R$ 880 milhões estão à espera de trabalhadores da iniciativa privada e servidores públicos em todo o país que não sacaram os valores do abono do PIS/Pasep relativo ao ano de 2016. O prazo para retirada termina na próxima sexta-feira. Quem não for tirar o dinheiro na Caixa Econômica Federal e no Banco do Brasil até essa data perderá o direito de receber. Ao todo, mais de 1,6 milhão de beneficiários podem ter acesso a uma grana extra de até R$954 no fim do ano.

Somente no Estado do Rio são 173,7 mil trabalhadores da iniciativa privada e servidores que estão deixando para a reta final o saque de R$ 97 milhões relativos ao abono do PIS/Pasep de 2016. Com o vencimento do prazo que não será mais estendido como em outras ocasiões ao longo do ano se não houver a retirada, os recursos voltam diretamente para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

Tem direito ao benefício quem recebeu até dois salários mínimos por mês no ano anterior, trabalhou com carteira assinada e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias em 2016. É preciso também estar inscrito no programa há pelo menos cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

Para ver se tem direito ao recebimento, os trabalhadores da iniciativa privada devem procurar a Caixa Econômica Federal. A consulta pode ser feita pelo https://www.caixa.gov.br/ ou ligando para 0800-7260207. No total, 165 mil trabalhadores fluminenses não fizeram o saque do PIS de 2016.

SAQUE COM CARTÃO

Quem possui o Cartão do Cidadão e senha cadastrada pode se dirigir a uma casa lotérica, a um ponto de atendimento Caixa Aqui ou aos terminais de autoatendimento da instituição. Caso não tenha o cartão, o valor pode ser retirado em qualquer agência da Caixa, apresentando o documento de identificação.

A consulta sobre ao Pasep é feita no https://www.bb.com.br ou por meio do 0800-729 00 01 do BB. É preciso apresentar documento de identificação em qualquer agência do banco. São 8.725 servidores que não receberam o abono no Estado do Rio.

Pasep deste ano só sairá em janeiro

O abono do Pasep relativo ao ano-base 2017 (calendário 2018) para os servidores que possuem final de inscrição 5 só vai ser pago em 14 de janeiro. O crédito em conta-corrente para 12 mil funcionários públicos será feito pelo Banco do Brasil.

A liberação dos R$ 10 milhões para quitação do benefício deveria ter ocorrido em dezembro mas os servidores com direito aos valores terão que esperar até o começo do próximo ano, devido à mudança da data de pagamento do abono do Pasep para esse grupo.

Segundo a assessoria do Banco Brasil, a determinação para o crédito do Pasep aos servidores atende ao cronograma estabelecido por meio da Resolução 813, de 26 de junho de 2018, do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), e que não acontece, necessariamente, conforme o cronograma de pagamento do PIS.

SAIBA MAIS

VALOR DO ABONO

O valor que cada trabalhador ou servidor tem para sacar de abono depende de quanto tempo ele atuou no mercado com carteira assinada em 2016. Quem trabalhou, por exemplo, o ano todo vai receber o valor cheio, equivalente a um salário mínimo (R$ 954). Já os que trabalharam por apenas 30 dias terão direito ao valor mínimo de R$ 80.

CÁLCULO

O valor do abono é calculado de acordo com o número de meses trabalhados no exercício anterior. Por exemplo: quem trabalhou um mês receberá 1/12 do salário mínimo. Quem trabalhou dois meses ganhará 2/12 e assim por diante. Só receberá o valor total quem trabalhou o ano-base completo. Mas, se o período trabalhado foi de 12 meses, vai ter direito ao valor integral do benefício, que é de um salário mínimo (R$ 954).

CONSULTA

A consulta dos valores pode ser feita pessoalmente, pelo site da Caixa ou no telefone 0800-7260207. Para os servidores públicos, a referência é o Banco do Brasil, que também fornece informações pelo www.bb.com.br/pasep e pelo 0800-7290001.

CARTÃO E SENHA

Para sacar o valor do abono do PIS na Caixa Econômica, o trabalhador que possuir o Cartão do Cidadão e senha cadastrada pode ir direto aos terminais de autoatendimento do banco ou a uma casa lotérica. Se não tiver o cartão, tem como receber o valor em qualquer agência do banco estatal, mediante apresentação de um documento de identificação.

Fonte:https://odia.ig.com.br/economia/2018/12/5604690-mais-de-1-6-milhao-de-trabalhadores-nao-sacaram-o-pis–prazo-acaba-na-sexta.html