Agenda de secretário da Previdência é dominada pelo mercado financeiro

Enquanto gestava a reforma previdenciária, Marcelo Caetano privilegiou bancos, empresas privadas, entidades patronais e recebeu até o MBL Durante o período de gestação da reforma previdenciária, o secretário da Previdência Social, Marcelo Caetano, dedicou sua atenção ao mercado financeiro, empresas privadas e representantes patronais e menos aos trabalhadores. Levantamento de CartaCapital mostra que, dos 70 compromissos publicados na…

Previdência – A reforma que não é enxuta

Certamente você já leu, ou ouviu, que a última proposta para a Reforma da Previdência é “enxuta” e que visa combater “privilégios”. A primeira análise é matemática. Contém a Emenda Aglutinativa Global (EAG) – essa última versão da reforma, apresentada em 22/11/2017 – 24 artigos originários e remete-se a 8 (oito) artigos da atual Constituição…